quinta-feira, 23 de julho de 2009

As peripécias


Diário da Safira
São Paulo, 23 de julho de 2009.


Hoje mamãe, saiu cedo e chegou em casa um pouco tarde por causa da chuva, mas não tão tarde assim, porque agora ela disse que arrumou um tal de fretado que leva ela pro trabalho. Eu não sei quem é esse homem “fretado”, mas tudo bem...

Quando ela chegou, nem deixou a gente sair porque tava tudo molhado. E como eu fico MUITO feliz quando ela chega, adoro fazer minhas graças... Eu rolo no chão, me esfrego no chinelo dela e brinco muito com minhas bolinhas... Eu tenho uma bolinha de lã (com recheio de catnip) que me deixa doidona... e uma outra bolinha de pelúcia... essa bolinha de pelúcia eu carrego pra lá e pra cá... e eu sou tão gracinha que consigo miar com a bola na boca. Quando quero chamar a atenção da mamãe, levo a bolinha em cima da cama e deixo do ladinho dela. Um dia fiz isso quando ela tava dormindo, aí ela acordou e viu a bolinha... ficou toda feliz!

Bem... voltando... eu tava brincando bastante pra chamar atenção da mamãe, só que, é claro, que o Sido tava fazendo a mesma coisa... Então, comecei a correr atrás dele pela casa toda... às vezes eu brinco com ele de pega-pega. A mamãe tava no quarto mexendo nesse negócio que ela chama de computador... aí eu entrei correndo no quarto, esperei o Sido aparecer na soleira da porta do lado de fora e me apoiei na porta do lado de dentro... foi muito engraçado... a porta fechou na cara dele...hihihi... ele nem imaginava... ficou com mó cara de bobão... ele mexe comigo e pensa que eu sou fraca... sou uma lady, mas sei dar minhas patadas... hihihi.


Safira =^.^=



Diário do Sido
São Paulo, 23 de julho de 2009.

Hoje mamãe, saiu cedo como sempre e voltou tarde porque tava chovendo, Quando ela chega, eu me esfrego todo nas pernas dela, deito no chão e rolo... A gata safada, é claro, faz as mesmas coisas que eu faço... ela adora me imitar... Mas eu não tenho ciúmes, não! Porque eu sei que a mamãe é minha!

Às vezes a mamãe usa o computador de noite e eu não gosto quando ela fica com o focinho grudado na tela desse negócio de computador, então eu fico andando pela casa miando e miando... aí ela me chama... aí eu venho e fico subindo na mesa... na cadeira... no telefone... na TV... no armário... deito em cima das coisas que ela deixa espalhadas pelo chão... só pra ela me notar...

E dá certo! Porque ela fica falando: “Sido sai daí... Sido sai daqui... Sido sai de lá... Sido sai daí também”... hehehe. Até que ela perde a paciência, desliga o raio do computador e brinca comigo... hehehe. Sempre funciona!
Só que, às vezes, a gata-favela atrasa meu lado e fica querendo brincar de pegar. Hoje ela teve a audácia de fechar a porta do quarto na minha cara... Fiquei doido com isso... quem ela pensa que é? Ela vive me desafiando, mas eu dou um boi, porque ela é menina, mas se ela fosse menino... quebrava aquela cara de santinha que ela faz quando a mamãe tá olhando... Ela pode até enganar a mamãe, mas a mim ela não engana não! Eu sou duro na queda.


Sido =^.^=


Um comentário:

Solange disse...

Eu adoro esse diário!!! Sol.